Água na Boca - Dicas culinárias e receitas deliciosas

Siga-nos e compartilhe

Saiba como descobrir se alguém está te vigiando por meio do seu smartphone

Tipo:


Você já teve a sensação de estar sendo vigiado ou seguido de perto por alguém? Se sim, sabe o quanto esta sensação é horrível, não é verdade?

E por mais que hoje estejamos conectados a um mundo no qual todos acabam sabendo da vida de todos (as notícias correm muito rapidamente), ainda assim ter privacidade é fundamental. Ninguém precisa saber daquilo que não queremos contar.

Contudo, nem sempre estamos seguros e realmente pode haver alguém nos espionando sem que nós saibamos, principalmente quando se trata do ambiente virtual. E para evitar essa ação de ‘espionagem’, alguns códigos de celular podem ser bastante úteis. Quer ver só?

  1. Foto: Segredos do Mundo / R7

*#21#

Este código é utilizado para descobrir se o encaminhamento de ligações e mensagens de texto está ou não habilitado. Você terá acesso ao encaminhamento (ou desvio) e o número de telefone para o qual os dados do seu são redirecionados. Normalmente, casos de desvio podem ocorrer com pessoas que, em algum momento, emprestaram o seu telefone para outras e as maiores vítimas costumam ser pessoas idosas. Por meio disto, o “espião” é capaz de descobrir informações como o lugar onde você mora, as pessoas com quem você se comunica, hábitos e itinerários e, em casos ainda mais sérios, até a dados financeiros.

*#62#

A maior utilidade deste número é para os casos nos quais você precisa saber para onde suas ligações, mensagens de texto e dados são encaminhados no momento em que alguém tenta entrar em contato com você pelo telefone, mas não consegue. Da mesma forma que no exemplo acima, algum desvio pode ocorrer, então é importante fazer o monitoramento.

  1. Foto: Reprodução

##002#

Universal, este código tem por finalidade desabilitar todo e qualquer desvio que ocorra em seu telefone. Quando você estiver em área de roaming, as ligações encaminhadas à caixa postal não serão cobradas.

*#06#

Importantíssimo, é por meio deste código que você identifica o IMEI de seu celular (Identificador Internacional de Equipamento Móvel, da sigla em inglês). Além de uma numeração específica, você encontra informações sobre marca, modelo, ficha técnica e outros dados sobre seu celular. Em caso de roubo, é por meio do IMEI que o bloqueio do aparelho é realizado.

Código de James Bond

  1. Foto: Reprodução

Já que estamos falando sobre espionagem, é claro que haveria uma referência ao maior espião do cinema. Estes códigos ajudam você a rastrear localizações e também descobrir se há alguém espionando. Mas para isso, é necessário que alguns passos sejam seguidos, e que o aplicativo ‘netmonitor’ esteja instalado.

Código de uso no iPhone: *3001#12345#*Código de uso para Android: *#*#4636#*#* ou *#*#197328640#*#*

Passo 1: Entre em UMTS Cell Environment, em seguida em UMTS RR info e anote os números de Cell ID (CID). São os números das estações básicas situadas perto de onde você está. Automaticamente o seu telefone irá se conectar àquela que ofereça melhor sinal.

Passo 2: Retorne para o menu principal, acesse MM info, e então, Serving PLMN. Anote os números de Local Area Code (LAC).

Passo 3: Com auxílio destes dois dados e de uma página da web (clique aqui), você consegue rastrear a localização em um mapa da estação básica à qual seu telefone estiver conectado.

E por que isso é tão importante? Por este caminho, você consegue identificar bases móveis suspeitas, como caminhões ou micro-ônibus com longas antenas. E alguns deles podem estar atuando como espiões.

Uso de antivírus

  1. Evite deixar seu aparelho celular sem antivírus – Foto: Reprodução

Além dos códigos, antivírus também fazem muita diferença se você quiser manter a privacidade de suas informações. Existe um vírus chamado PlaceRaider que mostra bem como nossos celulares são vulneráveis. Uma vez dentro de um smartphone, ele atua diretamente em sua câmera, fazendo fotos do espaço ao seu redor e modelando o ambiente em 3D. E quando estiver conectado à Internet, dados, senhas e informações do smartphone são vazados e enviados diretamente para quem o programou.

Proteção contra golpistas e espiões

Dentre outras dicas, estão:

– Serviços de mensagens que possuem acesso fechado para todos, como por exemplo: Telegram, Wickr ou Signal.- Tem em mente qual tipo de conteúdo ou de informação você pode compartilhar de maneira segura. Pense bem antes de publicar fotos ou passar informações pessoais ou familiares para qualquer pessoa.- Não instalar aplicativos desconhecidos e controlar os que já estão instalados. Links duvidosos também devem ser evitados.

Fique sempre atento! Pessoas de má fé estão por toda parte. E se não tentarmos ter um controle mais responsável do que fazemos ou falamos em ambiente virtual, o prejuízo pode ser grande.



Ingredientes

Avalie esta receita
Avaliação média

votos, média: de 5


Compartilhar via WhatsApp

Deixe seu comentário