Água na Boca - Dicas culinárias e receitas deliciosas

Siga-nos e compartilhe

Essa jovem morreu em um acidente. Dias depois, ela grava um vídeo viva

Tipo:


Todo mundo gosta de um pouquinho de atenção, não é mesmo? Quem não adora receber curtidas no facebook, por exemplo?

Mas… Tudo tem o seu limite. E talvez essa jovem tenha exagerado um pouquinho (muito).

A história é de uma foto que circulou nas redes sociais de uma jovem, supostamente, morta. Sua identidade não foi revelada e ela foi enfaixada e enrolada em um saco plástico para coleta de cadáveres utilizado nos Institutos Médicos Legais (IML).

Foi divulgado também um áudio de uma funcionária do IML. A moça teria morrido após um acidente de carro e seu corpo estaria sem identificação. De praxe, se nenhum familiar viesse para fazer o reconhecimento do corpo, ela seria enterrada como indigente.

Logo após tudo isso sair nas redes sociais, a mulher, que tinha sido declarada morta, se pronunciou sobre o caso, pedindo desculpas.

O que ela queria era saber quem se importaria com a sua ausência. Assim, ficou claro para o psiquiatra Fábio Gomes que a jovem sofre de problemas neurológicos e que precisa de acompanhamento médico o quanto antes. “Forjar situações para as pessoas se compadecerem de sua dor não é algo saudável”, diz ele.

O mais provável é que ela tenha inseguranças e falta de autoestima para usar algo tão sério como fórmula para desvendar o quanto ela é importante para os outros.

Uma outra questão é que isso pode acarretar em problemas sociais, já que depois do ocorrido, muitos podem não acreditar mais em suas palavras.

Veja o vídeo de sua declaração:


O que você achou disso?

Acho que é sempre válido reconhecermos nossos problemas e buscarmos a ajuda de alguém.



Ingredientes

Avalie esta receita
Avaliação média

votos, média: de 5


Compartilhar via WhatsApp

Deixe seu comentário