Água na Boca - Dicas culinárias e receitas deliciosas

Siga-nos e compartilhe

Pudim de Leite Condensado

Tipo:

db0e7f96be13e33076ac2e6e5856efdc.jpg

Pudim de leite condensado. Pudim é unanimidade, não tem quem não gosta, é preferência nacional. É a sobremesa mais pedida pelo brasileiro ao lado do brigadeiro. Sucesso garantido! Já as opiniões se dividem na hora de perguntar: com furinhos ou sem furinhos? Com leite condensado ou sem condensado?

Para chegar ao pudim perfeito, nós do Monta Encanta, ao longo desses anos, testamos e recriamos inúmeras combinações, nas mais variadas proporções: pudim sem forno, pudins só com leite, pudim com leite condensado e creme de leite, pudim de leite e doce de leite, …pudins feito com leite e leite condensado.

Conclusões:

Pudim que é pudim, pelo menos para nós, brasileiros, tem, sim, de ter leite condensado, que o deixa mais encorpado e bem mais cremoso. É pudim com creme firme, untuoso, com sabor acentuado de leite que gostamos!

Já os furinhos … bom aí … o caso é bem mais sério, e é melhor deixar ao gosto do freguês. Por isso aqui, tem os dois modos de preparo: Com furos e Sem furos!Se engana, quem pensa que pudim não tem segredo, tem sim! Tudo na cozinha tem segredo e pudim não podia ser diferente.

Vale anotar as dicas, são segredos simples, mas que fazem a diferença na hora de preparar um pudim ou O PUDIM! O mais gostoso Pudim de Leite Condensado da vida. Pode apostar!

Garanto que você vai receber um montão de elogios! O Pudim desaparece em poucas colheradas, deixando na boca um traço doce e no prato apenas um restinho da calda de caramelo. É de enlouquecer!

A solução para um pudim sem furos ou com furos, está no areamento da massa e na temperatura do forno.

Se você não gosta dos furos, melhor bater pouco, coar a massa e levar ao forno frio, mantendo uma temperaturano forno baixa, até 180°C

Mas como o que pode ser problema para uns, é a solução de outros, que amam furinhos. Eu mesma, não tenho nada contra os furinhos, tenho até apreço por eles, acho que é coisa nossa, faz parte do pudim. Depois eu gosto de tudo que é aerado, gosto chocolate aerado, o suflair, amo mousse de chocolate, adoro suflê … Mas não deixo de reconhecer que um Pudim sem furinhos, é mais lisinho, mais cremoso e tem sabor mais intenso, o que eu amo também! Então alterno, um dia preparo com furinhos outro dia deixo tudo bem lisinho, sem furinho!

E você prefere como? Conta para gente!

Anote aí os dois modos de preparo:

INGREDIENTES:
2 latas de leite condensado, 790ml cada lata
1 lata de leite integral, 395 ml
3 ovos inteiros

CALDA DE CARAMELO:
1 xícara de açúcar
1/2 xícara de água

COMO FAZER:

CALDA:

Em uma forma de alumínio com buraco no meio, 18 de diâmetro, coloque 1 xícara de açúcar e siga mexendo para não queimar até caramelizar e atingir o ponto de caramelo.

Ou acrescente ao açúcar 1/2 xícara de água, misture e deixe cozinhar, sem mexer para não açúcarar, em fogo baixo, até que vire um caramelo – 12-15 min., método úmido, aqui.

A vantagem do método úmido é que voc6e não precisa ficar na boca do fogão, mexendo o tempo todo. Pelo contrário no método úmido, você não pode mexer. A calda se faz sozinha e com menos risco de queimar.

Depois que a calda caramelizar e atingir a cor de caramelo, nem muito claro nem muito escuro, espalhe-a pela forma untando. Reserve.

Enquanto isso … enquanto o açúcar carameliza … aproveite para fazer a massa do pudim.

PUDIM de LEITE CONDENSADO:

Em um bowl, coloque 3 ovos inteiros e misture.

Prefira ovos frescos e antes de junta-los ao bowl, bata o ovo contra a bancada, coloque primeiro numa tijelinha antes de junta-los, repita o procedimento com todos os ovos um a um, assim, caso um ovo esteja estragado, você não perde os 3 ovos.

Coloque 2 latas de leite condensado (790ml) misture delicadamente com o fouet até incorporar os ovos ao leite condensado. Junte uma medida de lata ou 395ml de leite integral e bata misturando até ficar homogêneo.

DICA: Se preferir mais suave, menos doce, ao invés de 1 medida de lata(395ml), coloque 2 medidas de lata de leite (790ml). Ele vai ficar com uma textura mais leve e um sabor mais suave lembrando um flan.

Para Pudim sem furos, bata ligeiramente, somente até misturar os ingredientes, até que fique uma massa cremosa e homogênea. O segredo para que o pudim não fique com muitos furos é não bater muito. Apenas misture os ingredientes e está pronto.

Quando a massa do pudim é muito batida ela fica aerada. Na hora de assar, esses buracos de ar enchem-se de vapor de água e o pudim fica furadinho e mais aguado.

Agora, se você quer um pudim com furinhos, e mais suave, faça ao contrário e bata com vontade e por mais tempo para aerar bem a massa. ??

SEM FUROS: Com auxílio de uma peneira de malha fina, coe a mistura do pudim dentro da forma já caramelada. Esse passo ajuda a diminuir ainda mais a aeração e também filtra pequenas partículas da gema, diminuindo o ‘gosto de ‘ovo’.

Preencha a forma untada com a calda de caramelo com a mistura do pudim.

Ascenda o forno a 190ºC.

Coloque uma forma maior que a forma do pudim, de modo que ele caiba dentro, cozinhe em banho maria, destampado até que fique consistente, e a superfície douradinha, ele até dá uma leve queimadinha na superfície, não tem problema, desde que não seja muito queimadinho, não altera o sabor. Deixe cozinhar por cerca de 1h30 minutos.

Após esse tempo o pudim, ainda parece estar ‘mole’. Só que não, este é o ponto certo de retirar. Ele firma ao esfriar, na geladeira.

FORNO:

O forno deve estar frio e não pré aquecido, porque?

Se colocamos o pudim em banho maria com o forno pré aquecido, o ovo coagula rapidamente, ‘prendendo’ as bolinhas de ar dentro da massa do pudim. Com o forno frio, o pudim repousa por uns 10 minutos, até o ovo começar a coagular dando mais um tempinho para as ‘bolhas de ar’ conseguirem escapar de dentro da massa, deixando-o mais cremoso.

Lembrando que, se você é fã das bolinhas, só ignorar as dicas e bora lá fazer um pudim de doce de leite aerado.

COM FUROS: Pule a etapa da peneira e não coe o pudim. Leve a mistura a forma caramelizada e ao forno pré aquecido a 190°C a 200 °C.

Outra dica é não tampar com papel alumínio. Ao tampar, seguramos a umidade dentro do pudim, o que vai deixa-lo mais aguado. O mesmo vale para as panelas convencionais de pudim, em banho maria, elas umedecem a massa, mais gostoso ao forno.

Retire do forno, espere esfriar, desenforme e leve a geladeira até gelar.

Quer uma opção mais light? Substitua o leite por leite desnatado e o leite condensados por condensado light.

Ou para quem tem intolerância a lactose, substitua por leite e condensado de soja.

Fácil de fazer, este pudim vai te surpreender tanto pela cremosidade quanto pelo sabor intenso, é delicioso!

Experimenta e depois, conta para gente.



Ingredientes

Avalie esta receita
Avaliação média

votos, média: de 5


Compartilhar via WhatsApp
Loading...

Deixe seu comentário