Água na Boca - Dicas culinárias e receitas deliciosas

Siga-nos e compartilhe

Máquina, latinha, garrafa pet ou garrafinha de vidro: onde o refrigerante é mais gostoso?

Tipo:


Na hora de tomar um refrigerante, qual é a sua principal preferência: latinha, na máquina, garrafa pet ou garrafa de vidro? Existe uma diferença grande no sabor do refrigerante em cada um destes recipientes.

Uma mulher já fez um experimento interessante durante anos e o resultado foi incrível.

Um estudo divulgado sobre o sabor do refrigerante em alguns recipientes definiu qual deles é o melhor e mais saboroso para se tomar a bebida sem alterar sua composição ou gosto. Dependendo da embalagem, alguns fatores no refrigerante pode se alterar.

E a garrafa de vidro ganhou a disputa. De acordo com uma pesquisa do Pronatec, a garrafinha de vidro é o frasco que conserva e preserva o sabor original do refrigerante, sem alterações em sua essência. Mas o que acontece com o sabor do refrigerante nas latinhas, máquinas, garrafas pet e a de vidro? O que faz alterar o sabor?

Confira:

1 – Garrafa de Vidro
A garrafa de vidro foi indicada no estudo como o melhor recipiente para portar o refrigerante sem alterar sabor e qualidade. Ela tem uma vantagem maior que as colegas, pois o material dela é impermeável e inativo. O vidro não se mistura com a bebida e nem transfere nenhum tipo de substância a ele, preservando sabor e cor naturais.

A garrafa de vidro também é excelente para preservar o gás, além de apresentar uma durabilidade até duas vezes maior do que quaisquer outros materiais. Portanto, se for tomar um refrigerante e você for uma pessoa que preza muito pelo sabor, qualidade e gás inseridos, pode partir para a garrafinha de vidro sem temer.

2 – Latas de Refrigerante
Com o velho e conhecido truque de colocar álcool e sal grosso dentro do gelo para que elas gelem a bebida mais rapidamente, as latinhas não são tão eficientes quanto muitos pensam no quesito sabor. As latas ganham dos outros recipientes, segundo o estudo, na categoria refrescância.

Em contrapartida, a variação na mudança de temperatura do líquido nela proporciona perda muito rápida de gás. A latinha não conservar eficientemente o gás do líquido, fazendo com que ela peque em sabor.

3 – Garrafa Pet
Já com as garrafas, o estudo indicou que a alteração na consistência, sabor e refrescância do produto são enormes. As famosas garrafas PET, recipientes compolitereftalato de etileno, possuem vários polímeros em sua fabricação.

O plástico do recipiente faz com que as partículas se misturem ao líquido e assim altere o sabor original. Os polímeros alteram a refrescância da bebida e reduzem a quantidade de gás, fazendo também com que a bebida dentro das garrafas fique com um leve gosto de plástico.

4 – Máquinas de Refrigerante
De todos os recipientes, esse é um dos que mais alteram conteúdo e sabor originais dos refrigerantes. Na máquina, o operador precisa praticamente “fazer” o produto para ser vendido. A fábrica envia o gás e o xarope para o estabelecimento e é lá que a mistura precisa ser realizada.

Além disso, é necessário adicionar água filtrada para deixar a bebida completa. E é aí que está o problema. Muitas das águas filtradas adicionadas não são de qualidade.

Por conterem resíduos e outras substâncias oriundas do processo de filtração, ela pode acabar alterando o sabor do refrigerante. Outro fator que deslegitima o sabor e refrescância originais do refri é o desrespeito com as medidas indicadas pelo fabricante na composição de fabricação.



Ingredientes

Avalie esta receita
Avaliação média

votos, média: de 5


Compartilhar via WhatsApp

Deixe seu comentário