Água na Boca - Dicas culinárias e receitas deliciosas

Siga-nos e compartilhe

Esta garota postou fotos de biquíni. Mas o que está crescendo no seu corpo é assustador

Tipo:


 

Quando os pais de Ciera Swaringen, ambos da Carolina do Norte, seguram a filha nos braços pela primeira vez, eles levam um susto. O corpo do bebê está coberto de manchas escuras.

Ciera sofre de algo chamado “nevo melanocítico congênito”. Esta doença rara – que afeta apenas 1 em cada 500.000 pessoas no mundo – faz com que seu corpo fique coberto de manchas e marcas de nascimento. A maior delas cobre toda a área entre suas coxas e umbigo. Embora as manchas não sejam perigosas em si, segundo os médicos elas são numerosas demais para remover. “Elas crescem constantemente e tem sempre novas aparecendo,” diz Ciera.

Apesar de tudo isso, os pais de Ciera a amam por quem ela é. Eles até apelidaram carinhosamente as manchas de “beijos de anjos”. Mas fora de casa a história é outra. As pessoas olham para Ciera, hoje com 19 anos. A adolescente já foi vítima de bullying na escola. “Eu me lembro que no ônibus escolar um colega riu de mim e disse que eu era um dálmata”, conta ela. “Aquilo realmente abalou a minha autoconfiança. Eu era tão jovem e sempre me senti muito diferente das outras crianças, como se houvesse algo de errado comigo.”

Mas agora que já está um pouco mais madura, Ciera já não se abala com comentários como: “Você parece suja, vai tomar um banho!”

“Com o tempo, eu aprendi que as pessoas olham e dizem coisas horríveis porque não estão acostumadas com a minha aparência,” diz Ciera. “Mas eu tenho orgulho de ser diferente! Afinal de contas, todos nós temos as nossas peculiaridades, estejam elas por dentro ou por fora.”

Ciera se mantém confiante e firme, e até já postou fotos de si mesma de biquíni. Para ela, as fotos servem para mostrar que todos devem se sentir confortáveis com seu próprio corpo. Se a história desta jovem forte e bela te impressionou, compartilhe com seus amigos.



Ingredientes

Avalie esta receita
Avaliação média

votos, média: de 5


Compartilhar via WhatsApp

Deixe seu comentário